Baladas no Ceará

Olá meninas queridas, tudo bom? Voltei recentemente de um congresso (Intercom) que foi no Ceará, lugar lindo e cheio de cores, e para começar os posts sobre a terra do sol, vamos falar de baladas rsrsrs:

Bar Pirata

Promete a segunda-feira mais louca do mundo, realmente, talvez seja. Destaque para os Pirata boys:

Não resisti e dou mais uma foto de presente hehehe:

Bom sobre o bar, custa R$40,00 para dar um sorriso e é bom chegar até umas 22:30, porque realmente lota, lá dentro os drinks e cervas tem um preço honesto, tipo R$5,00 uma cerva. Só que depois da meia noite a coisa fica tensa, os gringos e as prostitutas meio que tomam conta do lugar (o turismo sexual é muito forte em Fortaleza, tristemente – muito nojo dos europeus que vem para cá atrás disso, aliás muito cara novo, bonito e nojento!), e isso fica bem nítido. Vale a pena ir para ver os Piratas Boys em ação e sentir como um homem se sente vendo show de funk uhauhauha.

Verdade seja dita: o lugar é fantástico!

Beba caipirinha!

Arre Égua

O Arre Égua é na maior parte dos dias apenas restaurante, mas de terça é o bar para sair em Fortaleza, beba o shot que leva o nome do lugar que vem com fogo e tudo: arre égua rsrsr!


A decoração do lugar é bem típica e muito charmosa.

Pati, eu e Déia curtindo os forrós rsrs.


Aqui é o lugar para dançar forró, sempre vai ter um nativo simpático disposto a te ensinar o forrozinho. Ponto negativo: o mesmo do Pirata, chega uma hora em que o turismo sexual assusta a olhos vistos.

Vila Camaleão

Ambiente aconchegante, e sem turistas, aqui você vai ouvir samba de qualidade em um reduto verdadeiramente cearense, que é o Vila Camaleão.


Eu, Susan, a outra Pati e a Déia curtindo o sambinha.

 Logo mais tem mais posts cearenses rsrs, bjooo