50 Tons de Cinza – o filme

Lancamento-filme-Tons-Cinza-adiado_ACRIMA20131114_0018_15

Anastasia Steele (Dakota Johnson) é uma estudante de literatura de 21 anos, recatada e virgem. Uma dia ela deve entrevistar para o jornal da faculdade o poderoso magnata Christian Grey (Jamie Dornan). Nasce uma complexa relação entre ambos: com a descoberta amorosa e sexual, Anastasia conhece os prazeres do sadomasoquismo, tornando-se o objeto de submissão do sádico Grey.

images

Essa é a sinopse do filme 50 Tons de Cinza, para quem foi uma das milhões que leram… com certeza, já sabia o que esperar, o que não é o meu caso. Embora muitas amigas tenham virado fãs da série, a única vez que me arrisquei a ler algum trecho, achei de fato meio enfadonho, não me conquistou, mas, gosto né amiga, cada um tem o seu…

Bem vamos ao filme que é o que interessa, fui ver este filme por um único motivo:

Peters_10ReasonstoLoveJamieDornan(2)

Jamie Dornan! Vai ser lindo assim lá em casa! Irlandês divo de 32 anos, o gato é muito bem casado na vida real com uma moça muito linda chamada Amelia Warner e tem uma filhinha chamada Dulcie. Bom, mas vamos ao filme hehehe:
Achei sinceramente que apesar de também ser muito bonita a dona Dakota Johnson não combina nem um pouco com o Jamie Dornan, não sei, não existe química e achei extremamente forçada muitas expressões da atriz: o morder lábios sempre soa forçado e nem um pouco natural, embora em muitas fotos externas da Dakota ela pareça até mais jovem que a personagem (que tem 21 anos, enquanto Dakota tem 25) na real parece no filme que ela tem mais de 30.

50154-jamie-dornan-e-dakota-johnson-sao-os-620x0-1

Já o Jamie de fato convence como executivo sádico gato e controlador, embora vamos ser sinceros que os dois personagens (não atores!) são bem fraquinhos.
Que executivo se enlouqueceria por um menina recém-formada, sem gracinha, sem grandes opiniões, sem vontade nenhuma de nada? Porran, puta mina chata! Enfim… Mas algo dá para aprender de fato com a personagem Anastasia… o cara que tem tudo, só fica louco por ela, porque ela diz não, enrola ele, nunca deixar claro que você se apaixonou, ou seja, para conquistar os homens temos que jamais dar o primeiro passo, ignorá-los totalmente e torcer para que eles estejam na nossa, porque todos no fundo são meio masoquistas mesmo…

jamie-dornan-fifty-shades-of-grey-set-101314-1-400x470
As cenas de sexo… bom… se você assistiu qualquer filme do Bertolucci (Os Sonhadores, Beleza Roubada, e muitos outros) ou a maioria com a Monica Belucci no elenco, já viu cenas de sexo mais pesadas e orgânicas do que as do 50 Tons… mas enfim, achei as cenas bonitas, sensíveis e de bom gosto, carinhosas inclusive, tirando claro o lance de palmas e chicotes. Sinceramente achei o filme ok como entretenimento e o que pude comprovar é que ainda existe muito tabu em relação à sexualidade feminina, por isso que os 50 Tons foi tão incensado, não acho que uma mulher que aceita ser submissa em um fetiche sadomasoquista de um milionário que lhe envia mil presentes diários seja o maior exemplo de feminismo, pelo contrário, a obra tem todos os clichês possíveis e é um banho de água fria na fogueira dos sutiãs queimados, enfim, mas o lado bom é que ao menos torna muita gente mais familiar em relação ao sexo, acreditem, fiquei muito surpresa com o constrangimento da mulherada no cinema.

rs_560x415-140122101323-560.Dakota-Johnson-jamie-Dornan-Fifty-Shades-Of-Grey.jl.012214

Mas, é altamente compreensível o sucesso, afinal Grey, apesar de sadomasoquista, é o cara que liga no dia seguinte, que aliás dá mil satisfações sobre todas as coisas, que fica obcecado atrás de você, além de ser lindo, charmoso, independente, com passado obscuro e mimimi, e apesar de ter um império para cuidar, ele prefere se preocupar com o computador da amada, e  com outras pequenas coisas… na boa, diante de tanto cara egoísta que só pensa no próprio umbigo e que não se cuida, mora com os pais e não sabe lavar a louça, muita gente pensaria sobre aceitar o contrato de um cara caído do céu, que fala: aí não tô a fim de romance, mas te liga mil vezes ao dia… alguém de fato a fim de você…eu sinceramente, tiraria as mesmas clausulas que a Anastasia tirou, também tiraria tudo envolvendo palmadas, chicotes e porradas (não gosto de apanhar não, ia meter uma Maria da Penha nesse doido) e assinava o contrato duas vezes rsrs! Homem tá acostumado a ver mulher pelada até no trabalho, já em relação a mulher rola um super auê, tanto é que há várias imagens da periquita da Dakota, mas nenhuma do periquito do Dornan…

Para quem quer ver a melhor cena de sexo do cinema, recomendo assistir Pecado Original com Antônio Banderas e Angelina Jolie, tem algumas das cenas mais quentes já filmadas e muita química entre dois dos atores mais sexies já vistos na sétima arte:
pecadooriginal

Não recomendo ver no cinema os 50 Tons, acho um pouco de desperdício de grana, melhor esperar sair no Netflix… não é um filme da grande tela.

Por que as mulheres são tão apaixonadas por sapatos?

Por que as mulheres são tão apaixonadas por sapatos? Hoje estava pensando sobre isso, porque estou precisando de um novo par para o dia a dia, um par de botas e um salto poderoso para a vida noturna. Mas de onde vem essa fixação por pares de sapato? Afinal minha mãe é completamente viciada em sapatos, tem mais de trezentos pares! Minhas amigas também são completamente enlouquecidas por eles, ou seja somos todas apaixonadas por sapatos!

Quando pequena vi na Cinderela, uma das minhas histórias preferidas: a menina esforçada e injustiçada que finalmente vê seus dias de tristeza para trás quando o princípe lhe põe o sapatinho de cristal!
Pronto! Assim como eu, aposto que milhões de meninas de todo o mundo sonhavam com um par de sapatinhos de cristal e que junto come ele viesse um conto de fadas de príncipe e castelo! O sapatinho de cristal é só um das dezenas de pares de sapatos que permeiam nossos sonhos desde menina!
Somos apaixonadas por sapatos e não é toa: o sapato não depende da sua altura, ou do seu peso. Ele é ultra democrático, você escolhe de acordo com seu gosto, e ele pode dar um toque totalmente diferente em qualquer look se essa for a intenção.
E se com diz uma frase célebre que se conhece um homem pelo seus sapatos, com a mulher não seria diferente. O sapato diz muito sobre a personalidade de quem usa: se busca conforto: um tênis. Uma sandália baixa para eventos corriqueiros. Salto fino e brilho para os embalos de sábado a noite. Uma bota preta de atitude para o show da sua banda favorita. Uma sapatilha colorida para alegrar os dias no trabalho.

Os sapatos podem até ser mágicos como os famosos “sapatinhos de rubi” da Dorothy do Mágico de Oz. Quem não se lembra da menina sonhadora batendo os sapatinhos mágicos enquanto dizia a frase: “Não há lugar como nosso lar!”

Objetos de desejo: todos da Dakota.

O sapatos são a base que dá sustento ao nosso corpo e que nos leva em direção aos nossos sonhos, acho que é por isso que somos tão apaixonadas por eles!